Tumor do espaço parafaríngeo. Revisão de literatura

Autores

  • Maria Pimenta Machado Interno Complementar - Departamento de Otorrinolaringologia, Voz e Perturbações da Comunicação do Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Portugal
  • Ana Rita Santos Assistente Hospitalar - Departamento de Otorrinolaringologia, Voz e Perturbações da Comunicação do Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Portugal
  • Luís Freitas Assistente Hospitalar - Departamento de Otorrinolaringologia, Voz e Perturbações da Comunicação do Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Portugal
  • Alberto Santos Assistente Hospitalar - Departamento de Otorrinolaringologia, Voz e Perturbações da Comunicação do Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Portugal
  • Carlos Macor Assistente Hospitalar Graduado - Departamento de Otorrinolaringologia, Voz e Perturbações da Comunicação do Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Portugal
  • Óscar Dias Chefe de Serviço - Departamento de Otorrinolaringologia, Voz e Perturbações da Comunicação do Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Portugal
  • Mário Andrea Director de Serviço - Departamento de Otorrinolaringologia, Voz e Perturbações da Comunicação do Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.34631/sporl.96

Palavras-chave:

Parafaríngeo, Tumores

Resumo

Introdução: O espaço parafaríngeo é uma área anatómica
complexa, onde se pode encontrar uma grande variedade de
tumores, benignos e malignos. No entanto, os tumores do
espaço parafaríngeo são raros, representam cerca de 0,5% dos
tumores da cabeça e pescoço.

Caso clínico: Apresenta-se o caso de um homem de 54 anos
com queixas de roncopatia e disfagia. No exame objectivo
observou-se abaulamento do palato mole com medialização
da amígdala palatina esquerda. O diagnóstico foi de tumor
do espaço parafaríngeo. Foi submetido a cirurgia: abordagem
transcervical-parotídea com mandibulectomia mediana.
O resultado anatomo-patológico da peça operatória foi de
adenoma pleomórfico.

Discussão: Os TEP, pela sua raridade, clínica insidiosa e
inespecífica, podem passar despercebidos por um longo
período de tempo. A história clínica e o exame objectivo
podem sugerir a etiologia da lesão. Os exames imagiológicos
são essenciais para a caracterização destes tumores:
localização, tamanho, extensão. No entanto, há controvérsias
sobre o que se deve pedir como exame de primeira linha. Há
autores que consideram a citologia aspirativa por agulha fina,
essencial no diagnóstico histológico tumoral. O tratamento de escolha dos TEP é cirúrgico. Várias abordagens cirúrgicas têm
sido descritas ao longo do tempo. A escolha da técnica cirúrgica
depende da localização, do tamanho e da extensão tumoral.

Conclusão: Os TEP são tumores raros e maioritariamente
assintomáticos. O índice de suspeita tem de ser elevado, O
tratamento destes tumores é considerado um desafio. Sendo
raros, a experiência pessoal é sempre reduzida. Localizandose
numa área anatómica complexa, o acesso é difícil. O
tratamento é cirúrgico. Na maioria dos casos, é utilizada
a abordagem transcervical para tumores retro-estilóides
e a abordagem transcervical-parotídea para tumores préestilóides,
com ou sem mandibulectomia. A decisão cirúrgica
acertada, permite o sucesso terapêutico, reduz o risco de
complicações pós-operatórias, bem como o risco de recidiva
tumoral.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Fernández M, Fernández J, Costas A, Sandoval J, López A. Surgical treatment of benign parapharyngeal space tumours. Presentation of two clinical cases and revision of the literature. Med Oral Patol Oral Cir Bucal 2008 Jan 1:13(1):E61-4

Acosta L, Montalvão P, Magalhães M, Olias J,et al.. Parapharyngeal space tumours. Our experience. I.P.O. Francisco Gentil, Lisbon. Acta Otorrinolaringol Esp 2002; 53: 485-490.

Castro S, Abrunhosa J, Sousa C. Tumores do espaço parafaríngeo: a propósito de um caso clínico. Rev Port Otorrinolaringol e Cir Cervico-Facial 2009 Março Vol 47: 43-46

Pipolo C, Maccari A, Messina F, Moneghini L, et al.. Late diagnosis of a solitary fibrous tumor of the parapharyngeal space in a continuous positive airway pressure-treated patient. Acta Otorhinolaryngologica Italica 2010;30:160-163

Bozza F, Vigili M, Ruscito P, Marzetti A, et al.. Surgical management of parapharyngeal space tumours: results of 10-year follow-up. Acta Otorhinolaryngol Ital 2009;29:10-15

Fente V, Pendás J, Martínez J, González L, e tal.. Tumores primarios del espacio parafaríngeo. Nuestra experiencia en 51 pacientes. Acta Otorrinolaringol Esp 2009;60(1):19-24

Hakeem A, Hazarika B, Pradhan S, Kannan R. Primary pleomorphic adenoma of minor salivary gland in the parapharyngeal space. World Journal of Surgical Oncology. 2009, 7:85

Sergi B, Limongelli A, Scarano E, Fetoni A, et al. Giant deep lobe parotid gland pleomorphic adenoma involving the parapharyngeal space. Report of three cases and review of the diagnosis ant therapeutic approaches. Acta Otorhinolayngologica Italica. 2008;261-265

Carrau R, Johnson J, Myers E. Management of tumours of the parapharybgeal space. Oncology. 1997, 11(5):633-640

Attia A, El-Shafiey M, El-Shazly S, Shouman T, et al. Management of Parapharyngeal Space Tumours at the National Cancer Institute, Egypt. Journal of the Egyptian Nat. Cancer Inst,, Vol. 16, No. 1, March: 34-42, 2004

Shahinian H, Dornier C, Fisch U. Parapharyngeal Space Tumours: The Infratemporal Fossa Approach. Skull Base Surgery, Vol. 5, No. 2, April 1995.

Gourin C, Johnson J. Parapharyngeal Space Tumours. http://emedicine.medscape.com/article/849385. Updated Mar 26, 2009.

Thumfart W, Platzer W, Gunkel A, Maurer H, Brenner E. Surgical approaches in Otorhinolaryngology.

Cummings C, Flint P, Harker L, Haughey B, Richardson M, Robbins K, Schuller D, Thomas J. Cummings Otolaryngology Head & Neck Surgery, 4th edition.

Netter F. Atlas of Human Anatomy, 2nd edition.

http://ahns.info/clinicalresources/docs/spacetumor.php

Como Citar

Machado, M. P., Santos, A. R., Freitas, L., Santos, A., Macor, C., Dias, Óscar, & Andrea, M. (1). Tumor do espaço parafaríngeo. Revisão de literatura. Revista Portuguesa De Otorrinolaringologia E Cirurgia De Cabeça E Pescoço, 50(2), 171-179. https://doi.org/10.34631/sporl.96

Edição

Secção

Caso Clínico

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>