Rastreio de alterações vocais no idoso (RAVI) - Validação de questionário

  • Mariline Santos Interna de ORL do Centro Hospitalar do Porto
  • Ângela Reis Rego Interna de ORL do Centro Hospitalar do Porto
  • David Dias Interno de ORL do Centro Hospitalar do Porto
  • Francisco Rosa Interno de ORL do Centro Hospitalar do Porto
  • Susana Vaz Freitas Terapeuta de Fala no Centro Hospitalar do Porto e Professora na Universidade Fernando Pessoa
  • Miguel Bebiano Coutinho Assistente Hospitalar Graduado do Serviço de ORL do Centro Hospitalar do Porto
  • Cecília Almeida e Sousa Diretora de Serviço de ORL do Centro Hospitalar do Porto
Palavras-chave: questionário, voz, envelhecimento

Resumo

Objetivos: proceder à tradução, adaptação cultural e validação do questionário “Rastreamento de Alterações Vocais em Idosos – RAVI” para português de Portugal. Desenho do Estudo: estudo observacional e transversal.

Material e Métodos: Avaliação da pontuação obtida no RAVI e no Voice Handicap Index de doentes com idade ≥65 anos: 30 doentes sem queixas e 30 doentes com queixas de disfonia.

Resultados: No grupo sem queixas de disfonia verificou-se uma correlação entre a pontuação obtida no questionário RAVI e o VHI estatisticamente significativa e forte (r = 0,76; p<0,001); no grupo com disfonia verificou-se, igualmente, uma correlação entre os resultados obtidos nos questionários estatisticamente significativa e forte (r=0,63; p<0,001). Há diferença estatisticamente significativa entre a média do questionário RAVI obtida no grupo com e sem queixas de disfonia (p<0,05).

Conclusões: A versão em português de Portugal do questionário RAVI é um instrumento de autoperceção vocal válido, desenhado especificamente para a população geriátrica e com propósito epidemiológico e clínico.

Downloads

Não existe ainda disponível informação de downloads.

Referências

– Vaca M, Cobeta I, Mora E, Reyes P. Clinical Assessment of Glottal Insufficiency in Age related Dysphonia. J Voice. 2016;15:294-295.

– Davids T, Klein AM, Johns MM. Current dysphonia trends in patients over the age of 65: is vocal atrophy becoming more prevalent? Laryngoscope. 2012;122:332-335.

– Yamauchi A, Imagawa H, Sakakaibara K, et al. Vocal fold atrophy in a Japanese tertiary medical institute: status quo of the most aged country. J Voice. 2014;28:231-236.

– Pontes P, Brasolotto A, Behlau M. Glottic characteristics and voice complaint in the elderly. J Voice. 2005;19:84-94.

– Gregory ND, Chandran S, Lurie D, Sataloff RT. Voice disorders in the elderly. J Voice. 2012;26:254-258.

– Roy N, Stemple J, Merrill RM, Thomas L. Epidemiology of voice disorders in the elderly: preliminary findings. Laryngoscope. 2007;117:628-633.

– Pernambuco LA, Espelt A, Balata PM, Lima KC. Prevalence of voice disorders in the elderly: a systematic review of population-based studies. Eur Arch Otorhinolaryngol. Epub 2014 August 23.

– Verdonck-de Leeuw IM, Kuik DJ, De Bodt M, Guimarães I, Holmberg EB, Nawka T, Rosen CA, Schindler A, Whurr R, Woisard V. Validation of the voice handicap index by assessing equivalence of European translations. Folia Phoniatr Logop. 2008;60(4):173-8.

– Guimarães I, Abberton E. An investigation of the Voice Handicap Index with speakers of Portuguese: preliminary data. J Voice. 2004;18(1):71-82.

- Pernambuco LA, Espelt A, Costa E, Lima KC. Screening for Voice Disorders in Older Adults: validity Evidence and Reliability. J Voice. 2016; 30 (2):19-27.

– Guillemin F, Bombardier C, Beaton D. Cross-cultural adaptation of health-related quality of life measures: literature review and proposed guidelines. J Clin Epidemiol. 1993;46(12):1417-32.

– Kim JW, Nam CM, Kim YW, Kim HH. The development of the Geriatric Index of Communicative Ability (GICA) for measuring communicative competence of elderly: a pilot study. Speech Comm. 2014;56:63-69.

– Byles J. The epidemiology of communication and swallowing disorders. Adv Speech Lang Pathol. 2005;7:1-7.

- Pernambuco LA, Espelt A, Lima KC. Screening for Voice Disorders in Older Adults: cutoff score and clinical consistency. J Voice. 2016; 31 (1):17-22.

Publicado
2017-12-24
Como Citar
Santos, M., Reis Rego, Ângela, Dias, D., Rosa, F., Vaz Freitas, S., Bebiano Coutinho, M., & Almeida e Sousa, C. (2017). Rastreio de alterações vocais no idoso (RAVI) - Validação de questionário. Revista Portuguesa De Otorrinolaringologia E Cirurgia De Cabeça E Pescoço, 55(1), 5-8. Obtido de https://journalsporl.com/index.php/sporl/article/view/670
Secção
Artigo Original

Trabalhos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)