Reconstrução circunferencial da traqueia com tecidos autólogos

  • João Olias Chefe de Serviço, Director do Serviço de ORL do Hospital de Cascais, Portugal
  • Gerardo Millán Chefe de Serviço, Serviço de Cirurgia Plástica e Reconstructiva, Centro Hospitalar Lisboa Central - Hospital de S. José, Portugal
  • J. Duro da Costa Chefe de Serviço, Director do Serviço de Pneumologia do IPOFG de Lisboa, Portugal
Palavras-chave: reconstrução traqueal, defeito traqueal circunferencial, estenose traqueal

Resumo

Objectivos: Avaliação dos resultados a longo prazo de uma nova técnica de reconstrução total da traqueia através de um retalho livre pré-fabricado no antebraço.

Desenho do estudo: Estudo retrospectivo entre 2003 e 2008.

Materiais e Métodos: Cinco doentes com defeitos traqueais ou laringotraqueais extensos, tratados previamente por várias técnicas convencionais sem cura, dependentes de traqueostomia, sem alternativa terapêutica por outros métodos conhecidos, foram operados através da reconstrução de uma neotraqueia totalmente autóloga cutâneo-condromucosa, pré-fabricada no antebraço e transferida para o pescoço sob a forma de retalho livre.

Resultados: Em todos os casos foi obtida a descanulação imediata. Todos os doentes obtiveram bom resultado final, sem dispneia ou restrição respiratória, com voz de normal volume e com retorno às suas actividades profissionais habituais.

Conclusões: A reconstrução circunferencial da traqueia através de um retalho livre cutâneo-condro-mucoso pré-fabricado no antebraço é uma nova técnica que cumpre todos os critérios de Belsey, fiável e reprodutível, com resultados comprovados a longo prazo, a aplicar na resolução de defeitos traqueais ou laringotraqueais não passíveis de resolução pelas técnicas convencionais.

Downloads

Não existe ainda disponível informação de downloads.

Referências

Delaere PR, Hardillo J. Tubes of vascularized cartilage used for replacement of rabbit cervical trachea. Ann Otol Rhinol Laryngol. 2003;112:807-812.

Genden EM, Gannon PJ, Smith S, Keck N, et al. Microvascular transfer of long tracheal autograft segments in the canine model. Laryngoscope. 2002 Mar;112(3): 439-444.

Costantino PD, Nuss DW, Snyderman CH, et al. Experimental tracheal replacement using a revascularized jejunal autograft with an implantable Dacron mesh tube. Ann Otol Rhinol Laryngol. 1992;101:807-814.

Grillo HC. Circumferential resection and reconstruction of the mediastinal and cervical trachea. Ann Surg. 1969;162:374-386.

Neville WE, Bolanowski PJ, Soltanzadeh H. Prosthetic reconstruction of the trachea and carina. J Thorac Cardiovasc Surg. 1976;72:525-538.

Donahue DM, Grillo HC, Wain JC, Wright CD, Mathisen DJ. Reoperative tracheal resection and reconstruction for unsuccessful repair of postintubation stenosis. J Thorac Cardiovasc Surg. 1997 Dec;114(6):934-8; discussion 938-939.

Cavadas P. Tracheal Reconstruction Using a Free Jejunal Flap with Cartilage Skeleton: Experimental Study. Plastic and Reconstructive Surgery. 1998;101(4):937-942.

Cavadas P, Bonanad E. Prefabrication of a free cutaneous-chondromucosal tubular flap for tracheal reconstruction. An experimental study in the dog. Cir Plást Ibero-Latinoamer. 1996;XXII(2):133-142.

Grillo HC, Donahue DM, Mathisen DJ, Wain JC,et al. Postintubation tracheal stenosis. Treatment and results. J Thorac Cardiovasc Surg. 1995 Mar;109(3):486-492; discussion 492-493.

Olias J, Millán G, Costa D. Circumferential tracheal reconstruction for the functional treatment of airway compromise. Laryngoscope 2005;115:159-161.

Como Citar
Olias, J., Millán, G., & da Costa, J. D. (1). Reconstrução circunferencial da traqueia com tecidos autólogos. Revista Portuguesa De Otorrinolaringologia E Cirurgia De Cabeça E Pescoço, 51(4), 241-242. Obtido de https://journalsporl.com/index.php/sporl/article/view/48
Secção
Artigo Original