Aquisição e desenvolvimento da linguagem em crianças com implante coclear

  • Helena Alves Terapeuta da Fala do Serviço de ORL do CHUC, EPE
  • Jorge Humberto Martins Audiologista do Serviço de ORL do CHUC, EPE; Mestre em Ciências da Fala e da Audição
  • Graça Oliveira Audiologista do Serviço de ORL do CHUC, EPE
  • Marisa Alves Mestre em Ciências da Fala e da Audição; Terapeuta da Fala do Serviço de ORL do CHUC, EPE
  • Daniela Ramos Terapeuta da Fala do Serviço de ORL do CHUC, EPE
  • Luís Silva Médico Especialista do Serviço de ORL do CHUC, EPE
  • Carlos Ribeiro Diretor de Serviço de ORL do CHUC, EPE
Palavras-chave: Implante Coclear, Linguagem, Perda auditiva

Resumo

Objetivo: Verificar a aquisição de vocabulário em crianças portadoras de implante coclear, em função da sua idade auditiva. 

Material e Métodos: Neste estudo foram analisados 100 Inventários (Inventário sobre o Desenvolvimento da Comunicação - MCDI - WS) preenchidos por pais de crianças implantadas no Serviço de Otorrinolaringologia do CHUC, E.P.E. – CHC. O MCDI - WS é um inventário que pretende verificar a aquisição da linguagem entre os 16 e os 30 meses de idade. Os inventários analisados foram divididos em 4 grupos segundo a idade auditiva da criança. Os dados dos grupos foram analisados e comparados entre si. 

Resultados: As crianças que produziram maior número de palavras foram as que apresentavam maior idade auditiva, tendo havido um aumento de vocabulário proporcional à idade auditiva. 

Conclusão: Os resultados revelam que há um aumento de vocabulário à medida que aumenta a experiência auditiva da criança e consequente exposição à linguagem verbal oral.

Downloads

Não existe ainda disponível informação de downloads.

Referências

Fortunato CAdU, Bevilacqua MC, Costa MdPR. Análise Comparativa da Linguagem Oral de Crianças Ouvintes e Surdas Usuárias de Implante Coclear. CEFAC. Out-Dez de 2009, Vol. 11(4), pp. 662-672.

Stuchi RF et al. Linguagem Oral de Crianças Com Cinco anos de Uso do Implante Coclear. Pró-fono, Revista de Atualização Científica. Abr.-Jun. de 2007, Vol. 19(2), pp. 167-176.

Le Maner - Idrissi G et al. Cochlear Implant and Lexical Diversity Development in Deaf Children: Intra- and Interindividua Differences. Current Psychology Letters. 2009, Vol. 25(2), pp. 1-12.

Tanamati F L, Costa O A, Bevilacqua MC. Resultados a Longo Prazo com o Uso do Implante Coclear em Crianças: Revisão Sistemática. Arquivos Internacionais de Otorrinolaringologia. Jul/Ago/Setembro de 2011, Vol. 15(3), pp. 365-375.

Bakhshaee M et al. Speech development and auditory performance in children after cochlear implantation. MJIRI. 2007, Vol. 20(4), pp. 184-191.

Fagan M K, Pisoni DB. Hearing Experience and Receptive Vocabulary Development in Deaf Children with Cochlear Implants. Journal of Deaf Studies and Deaf Education. 2010, Vol. 15(2), pp. 149-161.

Fenson L et al. Variability in Early Communicative Development. Monographs of the Society for Research in Child Development. 1994, Vols. 59 (Serial nº242, Nº5).

Prado AC. Principais Características da Produção Vocal do Deficiente Auditivo. CEFAC. Jul-Set de 2007, Vol. 9(3), pp. 404-410.

McLaughlin S. Introduction to Language Development. San Diego : Singular Publishing Group, 1998.

Boone DR, Plante E. Comunicação Humana e seus Distúrbios. 2ª. Porto Alegra : Porto Alegre: Artes Médicas, 1994.

Hamilton A, Plunkett K, Schaffer G. British Communicative Development Inventory. Journal of Child Language. 1999, Vol. 27, pp.689-705.

Como Citar
Alves, H., Martins, J. H., Oliveira, G., Alves, M., Ramos, D., Silva, L., & Ribeiro, C. (1). Aquisição e desenvolvimento da linguagem em crianças com implante coclear. Revista Portuguesa De Otorrinolaringologia E Cirurgia De Cabeça E Pescoço, 52(3), 149-153. https://doi.org/10.34631/sporl.449
Secção
Artigo Original

Trabalhos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)