Reconstrução Parcial do Pavilhão Auricular - Nova Técnica num Único Tempo

  • Paula Campelo Interna de Formação Específica em Otorrinolaringologia no Hospital CUF Infante Santo
  • Diogo Oliveira Carmo Assistente Hospitalar de Otorrinolaringologia do Hospital CUF Infante Santo
  • Margarida Branco Interna de Formação Específica em Otorrinolaringologia no Hospital CUF Infante Santo
  • Catarina Tinoco Interna de Formação Específica em Otorrinolaringologia no Hospital CUF Infante Santo
  • Cristina Caroça Assistente Hospitalar de Otorrinolaringologia do Hospital CUF Infante Santo
  • João Paço Diretor de Serviço de Otorrinolaringologia do Hospital CUF Infante Santo
Palavras-chave: Avulsão traumática, pavilhão auricular, reconstrução

Resumo

A reconstrução de defeitos parciais do pavilhão auricular continua a ser um desafio em Otorrinolaringologia e Cirurgia Plástica Facial. As várias técnicas descritas comprovam a dificuldade inerente à reconstrução de uma estrutura com uma arquitetura tão própria e delicada. Neste trabalho os autores propõem uma nova técnica, realizada num único tempo, num jovem de 23 anos, vítima de agressão por mordedura humana, que resultou na avulsão total do terço superior do pavilhão auricular direito, sem preservação da porção amputada. Três meses após a lesão, o doente foi submetido a cirurgia reconstrutiva. A reconstrução da parede lateral do pavilhão direito foi efetuada com um enxerto composto da concha do ouvido contralateral. A parede medial foi, por sua vez, reconstruída através de um retalho de avanço retroauricular. Após dois meses de pós-operatório constata-se um resultado estético favorável, com simetria entre os pavilhões auriculares e satisfação do doente.

Downloads

Não existe ainda disponível informação de downloads.

Referências

Weerda H. Trauma and Non-inflammatory Processes. In: Weerda H, (Ed.) Surgery of the Auricle - Tumors-Trauma-Defects-Abnormalities. Stuttgard: Thieme; 2007. p. 24–41.

Magritz R, Siegert R. Reconstruction of the Avulsed Auricle after Trauma. Otolaryngol Clin North Am. 2013;46:841–55.

Siegert R, Magritz R. Reconstruction of the auricle. GMS Curr Top Otorhinolaryngol Head Neck Surg. 2007;6:Doc02.

Wang. Auricular Reconstruction. In: Papel ID (Ed.) Facial Plastic and Reconstructive Surgery. 3rd ed. New York, NY: Thieme; 2009. p. 821–40.

Armin BB, Ruder RO, Azizadeh B. Partial Auricular Reconstruction. Semin Plast Surg. 2011;25(4):249–56.

Weerda H. Classification and Surgery of Auricular Defects. In: Weerda H, (Ed.) Surgery of the Auricle - Tumors-Trauma-Defects-Abnormalities. Stuttgard: Thieme; 2007. p. 43–107.

Hadlock TA, Cheney ML, Quatela VC. Reconstrution of the Auricle. In: Baker S (Ed.) Local Flaps in Facial Reconstruction. 2nd ed. Edinburgh: Elsevier Mosby; 2007. p. 581–624.

Ellabban MG, Maamoun MI, Elsharkawi M. The bi-pedicle post-auricular tube flap for reconstruction of partial ear defects. Br J Plast Surg. 2003;56(6):593–8.

Manoli T, Jaminet P, Kraus A, Schaller H-E, Werdin F, Sinis N. One-stage ear reconstruction after avulsion injury, using the amputated cartilage and a retroauricular transposition flap. Eplasty. 2010;10:e13.

Lavasani L, Leventhal D, Constantinides M, Krein H. Management of acute soft tissue injury to the auricle. Facial Plast Surg. 2010;26(6):445–50.

Kontis TC, Papel ID. Reconstruction of congenital and acquired auricular scaphal deficiencies. Archives of facial plastic surgery : official publication for the American Academy of Facial Plastic and Reconstructive Surgery, Inc. and the International Federation of Facial Plastic Surgery Societies. 2003. p. 263–6.

Helal H, Mahmoud N, Abd-Al-Aziz A. Reconstruction of post-traumatic full-thickness defects of the upper one-third of the auricle. Plast Surg. 2014;22(1):22–5.

Ottat MR. Partial reconstruction of the external ear after a trauma - simple and efficient techniques. Braz J Otorhinolaryngol. 2010;76(1):7–13.

Publicado
2017-05-07
Como Citar
Campelo, P., Oliveira Carmo, D., Branco, M., Tinoco, C., Caroça, C., & Paço, J. (2017). Reconstrução Parcial do Pavilhão Auricular - Nova Técnica num Único Tempo. Revista Portuguesa De Otorrinolaringologia E Cirurgia De Cabeça E Pescoço, 54(2), 131-135. Obtido de https://journalsporl.com/index.php/sporl/article/view/358
Secção
Caso Clínico