Complicação cervical hemorrágica da anticoagulação oral

Autores

  • Clara Capucho Serviço de Otorrinolaringologia, Hospital de Egas Moniz, Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, Lisboa, Portugal
  • Pedro Escada Serviço de Otorrinolaringologia, Hospital de Egas Moniz, Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, Lisboa, Portugal
  • Madeira da Silva Serviço de Otorrinolaringologia, Hospital de Egas Moniz, Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, Lisboa, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.34631/sporl.344

Palavras-chave:

Anticoagulantes, efeitos adversos, hematoma, hemorragia, obstrução da via aérea

Resumo

Descreve-se um caso clínico de uma doente submetida a anticoagulação oral crónica com anticoagulantes orais por doença valvular aórtica, na qual se desenvolveu complicação hemorrágica estendendo-se por vários planos superficiais e profundos do pescoço.

As complicações hemorrágicas da anticoagulação são raras nesta área anatómica. Ao contrário do que acontece nas outras localizações, a gravidade potencial desta situação não resulta da perda da volémia ou da anemia, mas sim da compressão da via aérea superior, com risco de asfixia .

O tratamento dirige-se à reversão da anticoagulação e à manutenção ou obtenção de uma via aérea adequada, que pode passar pela entubação endotraqueal ou pela traqueotomia. A drenagem cirú rgica pode ser prejudicial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Como Citar

Capucho, C., Escada, P., & da Silva, M. (1). Complicação cervical hemorrágica da anticoagulação oral. Revista Portuguesa De Otorrinolaringologia E Cirurgia De Cabeça E Pescoço, 46(2), 109-113. https://doi.org/10.34631/sporl.344

Edição

Secção

Caso Clínico

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>